0


Pesquisa pioneira sobre o genoma completo de mais de 1600 Aves de Postura revelou um vínculo genético com Anticorpos Neutralizantes (naturais, chamados NAbs). Esta pesquisa, realizada pela Universidade de Wageningen na Holanda e Hendrix Genetics, tem um enorme potencial para impactar positivamente produtividade, biosseguridade e sustentabilidade.



Um sistema imunológico preparado



Ao contrário dos anticorpos tradicionais que o corpo produz para combater infecções após a exposição a germes (virais / bacterianos), os NAbs estão presentes naturalmente no organismo. Isso significa que se o corpo vier a ser exposto a germes, tais NAbs poderão auxiliar a Ave a reagir mais prontamente e eliminar a ameaça muito mais rapidamente. Com maior importância ainda, descobriu-se que esses NAbs são hereditários e, portanto susceptíveis a progresso genético.



Uma solução ideal para mudar práticas



O momento dessa descoberta é crucial, pois os NAbs podem desempenhar um papel vital na evolução da cadeia de valor das proteínas animais. A área de Postura Comercial, em particular, está passando por mudanças profundas em todo o mundo. Os dois maiores fatores são a transição de gaiolas para diversas formas de alojamentos em grupo, mais abertos, e a outra é a redução ou eliminação de antibióticos preventivos.



Embora mudanças em tipo de alojamento e uso de antibióticos tenham razões fundamentais pelas quais elas estão ocorrendo, a realidade é que, quando combinadas, elas trazem consigo uma consequência: como as galinhas são colocadas em grupos maiores e em alguns sistemas com acesso ao ambiente externo, o risco de adquirir e disseminar doenças aumenta drasticamente quando comparada ao sistema de gaiolas convencionais; combinado com uma diminuição ou eliminação de antibióticos preventivos, potencializaria uma tendência de aumento ainda maior do risco de enfermidades e disseminação das mesmas.



Os NAbs-Anticorpos Neutralizantes (naturais) parecem ser uma solução ideal para os atuais desafios enfrentados pela avicultura de Postura. Não só ajudariam a melhorar a produtividade em ambientes com mais pressões de doenças, mas o fariam sem o uso de antibióticos. A chave para desbloquear esta solução está em identificar corretamente a parte do genoma com maior impacto sobre os NAbs, para que as futuras Poedeiras possam ser selecionadas também por esta característica. No estudo realizado já foi identificada uma região genômica de destaque: ainda em regime experimental e confidencial, acredita-se que tal região responda por até 60% da variação genética associada aos níveis de NAbs.



Mais pesquisas necessárias antes de estarem comercialmente disponíveis



Atualmente a Hendrix Genetics está realizando três estudos de campo com galinhas com altos e baixos níveis de NAbs. Tais animais serão então monitorados quanto a adaptabilidade e produtividade. A expectativa é de que a partir desta e de futuras pesquisas os NAbs se tornem um componente chave de linhagens puras da Hendrix Genetics destinadas a ovos comerciais no final da cadeia produtiva. Este é um exemplo fundamental de como a genética pode agregar valor, ao mesmo tempo em que aumenta a sustentabilidade em toda a cadeia de valor das proteínas alimentícias.




Fonte: Redação AI
PATROCINADORES
Colégio Teutônia
Wizard
Representações Francesquet
Anuncie Aqui
Metalúrgica Wagner
Futura Imóveis
Alles Gut
Digiserv
Wizard Teutônia
Fritz Ordenhadeiras
Portal Atividade Rural 2018
contato@atividaderural.com.br | Fone: (51) 9135-4200