0


A AB Vista, um dos três maiores players de enzimas do mundo, apresenta o uso de Vistacell, sua levedura viva para melhoria de desempenho de reprodutoras hiperprolíficas. À medida que o tamanho da leitegada aumenta, o desafio em ter animais saudáveis e com peso normal também é grande.



A levedura viva tem o potencial de reduzir o numero de leitões com peso leve ao nascer e aumentar o numero de leitões desmamados através de um único processo. É uma oportunidade para a otimização de eficiência produtiva.



Com o uso de Vistacell, há um maior peso ao nascer, da leitegada e uma menor porcentagem de animais com peso inferior a 1 kg. Além disso, há uma melhoria na composição de nutrientes do leite das porcas, com níveis mais altos de imunoglobulinas, gerando um aumento da imunidade dos leitões.



“A inserção de levedura viva na alimentação das reprodutoras também apresenta uma melhora na saúde intestinal, estabilizando flora e aumentando a presença de bactérias benéficas”, revela Alexandre Barbosa de Brito, gerente técnico LAM da AB Vista.



“Ao alcançar um maior número de leitões por leitegada, o uso de levedura viva na dieta das reprodutoras pode ser adotada para ajudar a diminuir a alta porcentagem de leitões leves ao nascer e aumentar o número de leitões desmamados”, conclui Fabio Valle, coordenador técnico Comercial da AB Vista.



Vistacell é um produto seco/ granulado, revestida por camada externa que garante aumento da estabilidade da levedura em distintos processos, o fazendo atuar como probiótico.




Fonte: Ascom
PATROCINADORES
Anuncie Aqui
Metalúrgica Wagner
Colégio Teutônia
Representações Francesquet
Wizard
Futura Imóveis
Wizard Teutônia
Alles Gut
Fritz Ordenhadeiras
Digiserv
Portal Atividade Rural 2018
contato@atividaderural.com.br | Fone: (51) 9135-4200