0


A disputa comercial travada entre a China e os Estados Unidos está fazendo com que o país oriental procure investir ainda mais no Brasil. Se até 2010 os investimentos chineses se concentravam em abastecimento de alimentos e energia, nos últimos anos a China criou novos alvos como setores de telecomunicações, a indústria automotiva, energia não convencional e serviços financeiros. 



Segundo dados do Ministério do Planejamento, os orientais investiram cerca de US$ 53,9 bilhões no Brasil de 2003 a junho de 2018, sendo que apenas em 2017 o número somou US$ 10,8 bilhões. Para Luiz Augusto de Castro Neves, presidente do Conselho Empresarial China-Brasil (CEBC), o fato os chineses estarem se voltando para o Brasil pode ser um fator fundamental para afastar a recessão econômica do País. “A China pode desempenhar um papel muito importante para ajudar a economia brasileira a sair da estagnação", comenta. 



De acordo com a Comissão Especial para a América Latina e o Caribe (Cepal), de 2005 a 2017 o Brasil recebeu 55% do total investido por empresas chinesas na América Latina. Além disso, a boa relação comercial com os orientais foi a grande responsável pelo País atingir superávits comerciais recordes mesmo em meio à crise econômica, somando +US$ 20,166 bilhões em 2017. 



Informações divulgadas pelo Ministério do Desenvolvimento e Comércio Exterior (MDIC) mostram que, enquanto o faturamento com os produtos vendidos aos chineses não chegava a 2% em 2000, dez anos depois esse índice já representava 15% e no primeiro semestre desse ano saltou para 26%. Para o presidente do CEBC, embora alguns analistas temam que essa parceria leve a desindustrialização argumentando que 86% desse faturamento seja oriundo de produtos básicos, como ferro e soja, é preciso entender que existe “um valor agregado crescente” no setor do agronegócio. "Produzir soja hoje envolve muita tecnologia e muitas atividades relacionadas", finaliza.  




Fonte: Agrolink
PATROCINADORES
Representações Francesquet
Wizard
Samaq Comercial de Máquinas
Colégio Teutônia
Metalúrgica Wagner
Digiserv
Futura Imóveis
Alles Gut
Wizard Teutônia
Fritz Ordenhadeiras
Portal Atividade Rural 2018
contato@atividaderural.com.br | Fone: (51) 9135-4200