0


O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IFGoiano) firmou uma parceria com a empresa AirScout Brasil buscando desenvolver uma tecnologia que permitirá aos agricultores detectarem instantaneamente infestações pelo nematoide Heterodera glycines. A tecnologia detectará especificamente nas lavouras de soja e também de milho. 



A nova parceria é coordenada e orientada pelo Professor Alaerson Maia Geraldine e foi firmada através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias do IFGoiano. Nesse cenário, a Parceria Público-Privada prevê um investimento de mais de R$ 1 milhão a ser aportado tanto pelo instituto público quanto pela empresa. 



O principal ponto dessa nova tecnologia é a utilização da inteligência artificial que buscará auxiliar o produtor na detecção do parasita nas suas lavouras. Isso porque a Sociedade Brasileira de Nematologia (SBN) informou que essa dificuldade, além de ser real, é o principal fator responsável pelo prejuízo de R$ 35 bilhões que a praga causa ao agronegócio brasileiro. 



Esse parasita, que causa um crescimento deficiente na planta, afeta de 30% a 40% do cultivo de cenoura, goiaba e pimenta-do-reino, por exemplo, e um prejuízo de R$ 16 bilhões na cultura da soja. De acordo com os dados da SBN, no Estado do Mato Grosso, por exemplo, 98% dos solos estão infectados pela presença de nematoides em algumas propriedades. 



Os especialistas afirmam que existe uma urgência na questão da detecção desse tipo de doença, já que a rapidez do diagnóstico pode ser fundamental para um tratamento específico e com resultados positivos. 




Fonte: Agrolink
PATROCINADORES
Wizard
Colégio Teutônia
Anuncie Aqui
Metalúrgica Wagner
Representações Francesquet
Wizard Teutônia
Alles Gut
Fritz Ordenhadeiras
Digiserv
Futura Imóveis
Portal Atividade Rural 2019
contato@atividaderural.com.br | Fone: (51) 9135-4200