0


De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (06/02) pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), os preços da carne suína e do animal vivo seguem em queda no mercado interno.



Com a demanda doméstica por carne enfraquecida, as cotações têm recuado consecutivamente desde o início do ano. Outro fator que tem pressionado as cotações são os altos preços dos insumos (milho e farelo de soja), o que leva produtores a escoarem os animais.



No Oeste Catarinense (SC), o suíno vivo comercializado no mercado independente se desvalorizou 5,5% entre 29 de janeiro e 5 de fevereiro, com média de R$ 4,84/kg nessa quarta-feira, 5.



Quanto às carcaças negociadas no atacado da Grande São Paulo, houve queda de 5,1% para a especial e de 7,2% para a comum em sete dias, com os produtos cotados a R$ 7,54/kg e a R$ 7,14/kg, respectivamente.





 




Fonte: Suinocultura Industrial
PATROCINADORES
Metalúrgica Wagner
Sicredi
Wizard
Anuncie Aqui
Metalúrgica Metalarte
Futura Imóveis
Wizard Teutônia
Digiserv
Portal Atividade Rural 2020
contato@atividaderural.com.br | Fone: (51) 9135-4200